A Escola da Inteligência é um programa que objetiva desenvolver a educação socioemocional no ambiente escolar. Fundamentado na Teoria da Inteligência Multifocal, elaborada pelo Dr. Augusto Cury, ele foi pensando especialmente para atender às necessidades de alunos, professores e família a fim de promover qualidade de vida e saúde psíquica.

 

Trabalhar as habilidades socioemocionais é tão ou mais importante quanto desenvolver habilidades cognitivas para a obtenção de bons resultados em diversas esferas do bem-estar individual e coletivo, como grau de escolaridade, emprego e saúde. Nesse sentido, a EI surgiu para somar forças com as escolas, buscando suprir a lacuna da educação emocional, tão essencial na formação de cidadãos autônomos e indivíduos mais saudáveis.

 

Sua metodologia, por meio da educação das emoções, busca melhoria dos índices de aprendizagem, redução da violência nas escolas, aprimoramento das relações interpessoais e o aumento da participação da família na formação integral dos alunos. Todos esses aspectos são trabalhados por meio de um material didático lúdico, dinâmico e inovador.

 

O Programa implementa suas ações nas instituições de ensino a partir da aplicação de 1 hora/aula dentro da grade curricular das instituições de ensino privadas e públicas, no Ensino Infantil, Fundamental e Médio (1º ao 3º ano) e EJA (Educação para Jovens e Adultos). Atualmente atende diretamente mais de 200 mil alunos em escolas de todo Brasil, beneficiando professores, alunos e familiares com mais qualidade de vida e bem-estar psíquico.